para-ref@hotmail.com

LUZ

Disciplina,fé, perseverança,humildade,compaixão e fraternidade
Em exercício são degraus necessário,
E o esforço íntimo de renovação uma contante
Para aqueles que buscam a união com a Divina luz do amor

13 de fev de 2012

Página recebida por Chico Xavier , do livro "Assim vencerás"

O próximo, em cada minuto, é aquele coração que se acha mais próximo do nosso, 

por divina sugestão de amor no caminho da vida.
No lar, é a esposa e o esposo, os pais e os filhos, os parentes e os hóspedes.
No templo do trabalho comum, é o chefe e o subordinado, o cooperador e o companheiro.
Na via pública, é o irmão ou o amigo anônimo que nos partilham a mesma estrada e o mesmo clima.
Na esfera social, é a criança e o doente, o desesperado e o triste, 

as afeições e os laços da solidariedade comum.
Na luta contundente do esforço humano, é o adversário e o colaborador, 

o inimigo declarado ou oculto ou, ainda, o associado de ideais que nos surgem por instrutores.
Em toda parte, encontrarás o próximo, buscando-te a capacidade de entender e de ajudar.
Auxilia aos outros com aquilo que possuas de melhor.
Os santos e os heróis ainda não residem na Terra.
Somos espíritos humanos, mistos de luz e sombra, amor e egoísmo, inteligência e ignorância.
Cada homem, na fase evolutiva, em que nos encontramos, 

traz uma auréola incompleta de rei e uma espada de tirano.
Se chamas o fidalgo, encontrarás um servidor.
Se procuras o guerreiro, terás um inimigo feroz pela frente.
Por isso mesmo, reafirmou Jesus o antigo ensinamento da Lei –

 “ama ao próximo, como a ti mesmo”.
É que o espírito, quando ama verdadeiramente, encontra mil meios de auxiliar, 

a cada instante, e o próximo, na essência, 
é o degrau que nos aparece diante do coração 
por abençoado caminho de acesso à Vida Celestial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AMOR

Que teu amor transforme
Os teus dramas em luz
A tua tristeza em celebração,
E os teu passos cansados
em alegres passos de dança renovadora
Que jamais, em tempo algum,
Tu esqueças da presença que esta em ti e em todos os seres
que teu viver seja pleno

A PROCURA DA PAZ

Se tristeza vier por qualquer motivo,faça o seguinte:
Evite as sombras que ficaram para tráz, olhe o caminho a sua frente e siga sempre. Assopre o pensamento triste, deixe escorrer a última lágrima,vá até o final do poço, mas volte renovado. Então respire fundo tirando da natureza a energia para elevar sua alma. Abra então a janela, aquela que dá para o vôo dos pardais, procure a luz que pisca adiante. Ao encontrá-la, coloque-a dentro do peito,de tal jeito que possa ser notada do lado de fora; Espalhe esta luz em torno de si...
De amor a todas as criaturas vivas...
A felicidade é o seu objetivo... e a paz que você procura sera encontrada dentro de de você onde DEUS deixou um pedacinho de si.